top of page

Espumantes brasileiros: uma viagem do Vale dos Vinhedos ao nordeste.

Atualizado: 4 de mai. de 2023


O Brasil é conhecido por sua diversidade étnica, belezas naturais, música e culinária, e nos últimos tempos, também por sua produção de excelentes vinhos espumantes. Isso mesmo, os espumantes brasileiros tem se destacado cada vez mais no cenário internacional e agradado o paladar de muitos consumidores. Somente no ano de 2021, das 309 medalhas internacionais conquistadas, 186 foram de espumantes.


Os espumantes brasileiros combinam perfeitamente com a cultura do nosso país. O clima tropical e quente do Brasil implora por bebidas refrescantes e leves, e os espumantes são recomendações ideais para esse cenário. Eles são perfeitos para acompanhar pratos típicos da culinária brasileira, como feijoada, churrasco e frutos do mar. A acidez e o frescor dos espumantes ajudam a equilibrar o sabor forte, gorduroso e salgado desses pratos, proporcionando uma harmonização única.


Além disso, para acompanhar a personalidade do povo brasileiro, conhecida por ser festiva e calorosa, os espumantes brasileiros são uma excelente opção para comemorações e momentos especiais. Eles transmitem alegria, descontração e celebração, e são versáteis, já que podem ser saboreados em diversas ocasiões, desde um dia na praia até em um churrasco de domingo.


Os espumantes nacionais, ao contrário dos vinhos finos, dominam o mercado interno em consumo. Importante ressaltar que o Brasil não se limita mais à produção de vinhos na tradicional região Sul, como agora apresenta produção expressiva até no Nordeste, onde o clima é mais quente e seco.


A Serra Gaúcha é a região produtora de vinho mais tradicional do país e engloba o Vale dos Vinhedos e várias outras cidades do Rio Grande do Sul. O Vale dos Vinhedos foi a primeira indicação geográfica reconhecida do Brasil e é formada por Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul. A região é ideal para o cultivo de uvas que são utilizadas na produção de espumantes, como a Chardonnay e a Pinot Noir.


Apesar de ser mais conhecida pela produção de cachaça, o Nordeste brasileiro também tem se destacado na produção de vinhos. Ainda que com produção relativamente pequena, os estados da Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte apresentam condições climáticas favoráveis para o cultivo de uvas e engarrafam ótimos rótulos para o mercado.


Se você quer conhecer mais os espumantes brasileiros, não perca a oportunidade de participar do Wine in Búzios. Será uma experiência única poder apreciar deliciosos espumantes admirando as praias paradisíacas de Búzios. Os ingressos já estão à venda!

8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page